terça-feira, 5 de maio de 2009

Virgindade Sindicalizada

Ontem ia a ouvir rádio e estavam a entrevistar uma menina que tem um clube de virgens. Afirma a menina que quer ser virgem até encontrar aquela pessoa especial que a vai levar a dar o passo importante de perder a virgindade. Deu o primeiro beijo aos 22 anos e afirma que esse beijo lhe abriu as portas do céu. Eu espero que a primeira queca não corra bem demais ou a moça perde a vergonha e de repente vai querer recuperar tempo que considera perdido...


Agora falando a sério...

No tempo das nossas mães a virgindade impunha-se. Menina de bem casava virgem. As coisas eram assim. Depois deixou de ser uma imposição. Contudo, vamos lá a ver se perder a virgindade na adolescência vai passar a ser obrigatório. A vida íntima de cada um é isso mesmo... íntima! Se a menina é virgem ou não, isso é lá com ela. A opção de esperar um pouco mais por aquela pessoa especial não é condenável. Tal como a opção de perder a virgindade com o primeiro que lhe aparece também não me suscita qualquer tipo de juízo de valor. Cada um decide o que quer fazer. Irrita-me que apareçam exigências de conduta ao nível do que é mais íntimo e pessoal. É que depois dá nestas coisas.... um blogue que é um clube de virgens que por opção ou falta de oportunidade continuam intocadas lá naquele sítio e que parece que fazem disso uma grande façanha.

A façanha maior vai ser não cair na canção do primeiro bandido "caça-virgens" que aparecer aí com a conversa que estas meninas querem ouvir...

(Fotografia de Ben Goossens)

9 comentários:

Ana disse...

Passaroca: Sendo eu virgem por nascimento também posso pertencer ao clube?
Beijo

rosemary disse...

Concordo contigo. Apenas não percebo a razão por que criaram o clube das virgens... Qual é o objectivo?! Defender a causa?! Lutar pelos seus direitos?! Não faz sentido... Se elas optam por esperar pelo principe encantado isso é lá com elas, o resto do mundo não precisa de saber pois trata-se da sua própria intimidade. Mas cá para mim, este frenesim todo pelo clube das virgens traz água no bico...

Bjs*

Miss G disse...

Esta rapariga procura mediatismo!!
Mas fiquei um pouco confusa: se um mero beijo lhe abriu as portas do céu, será que ela quer continuar do lado de fora? Uma queca era cpaz de a levar numa visita guiada...

Miss Kitty disse...

E que tal criar o clube das não-virgens?? É capaz de ter mais adeptos! lol

BJS*

Rafeiro Perfumado disse...

Se com o primeiro beijo foi ao céu, com o primeiro serviço completo Portugal irá orgulhar-se de ter a primeira pessoa em Marte...

Sanxeri disse...

Olha Passaroca, essa miuda é louca!
Nao por ser virgem... isso é uma opçao dela e respeito.

Mas ela vive no mundo cor de rosa, das ilusoes e utopias.

E agora esta em tudo o que é lado. Todos os dias dá uma entrevista a alguem. Credo!

morcego persistente disse...

Coitada!!! Não que eu tenha alguma coisa contra, cada um faz as suas opções...mas coitada...ela um dia vai ver...e nunca mais larga=)=)=)

Feitiozinho disse...

Sempre ouvi dizer que a virgindade é como as opiniões, cada um dá a sua quando quiser... Apesar de estarmos num mundo de mentalidades mais aberta conseguimos encontrar sempre alguém que continua a defender os "antigos valores" com unhas e dentes. Não me faz confusão que uma pessoa queira esperar pelo casamento, se é isso que a faz feliz. O grande problema é que normalmente estas pessoas que tanto apregoam fazem-no da boca para fora, porque querem manter um status ou uma imagem...

o dono do blog disse...

Pois sim, filha. Deixa-te andar à espera do príncipe encantado e um dia ainda vais engolir sapos vivos ahahah.
Cá pra mim, o que ela quer é publicidade.