quarta-feira, 13 de maio de 2009

A passaroca NÃO suporta o 'sovaquinho'

Quando chega o tempinho quente, é altura de reforçar no desodorizante.

Há bocado apareceu aqui no tasco um casal - ele 'tuga', ela 'alemoa' - e a criatura estrangeira parece que ainda não se habituou ao sol português e ainda não aprendeu o princípio supra mencionado. Deixou um pivete tão grande aqui, que tive de acender incenso e dar graças a Deus por eles não terem demorado muito por aqui, pois já estava a ficar roxa com a apneia em que me vi forçada a estar!


7 comentários:

sakura disse...

Isso é mesmo horrivel! E mais confusão me faz aquelas pessoas que cheiram a sovaquinho logo pela manhã! Mas esta gente não toma banho?

Ana disse...

É nessas alturas que eu dou graças por ter um desvio nasal e ter apenas 30% do cheiro:)
Beijo

maria teresa disse...

E estar a dar aulas a cerca de 25 criaturas a cheirarem mal do sovaquinho, do pézinho e de outras coisas mais.....
Professora sofre......
:):):)

Sanxeri disse...

Ai que horror. Eu sou limpinha, xiça!

Majo disse...

E cheirinho a sovaquinho disfarçado com perfume reles??? Hein?

lllooolll

Bjinho ;)

morcego persistente disse...

é das coisas que mais me mete confusão...
Água...qual desordorizante...se não for com água não há perfurme que resolva...

Rafeiro Perfumado disse...

Isso foi muito arriscado. É que com certos cheiros o melhor é abrir a janela, uma vez que qualquer chama pode provocar uma explosão! ;)

Beijoca!