sexta-feira, 17 de julho de 2009

Aaaarrrggghhhhh....... (parte II)

Algarve. Julho. Inferno.

Lá fora, no jardim ao pé da minha casa, há música pimba até às 0h00 e ainda agora são 22h53. A música até não está muito alta, como noutros dias, mas mesmo assim incomoda. À noite prezo muito o silêncio, a tranquilidade.

Podia sair, ir para outro lado. Mas acontece que estou com um trabalho entre mãos que preciso de fazer pela noite dentro, mas dava jeito conseguir fazer uma parte entre as 22h e as 0h00... é impossível, com este barulho.

O silêncio é de ouro, mas aqui reina a maior miséria!

5 comentários:

Voluptia disse...

Percebo tão bem isso... Um dia destes acordei com a música pimba aos berros...E isto é todo o dia das 11h à 00h! :|

Não há quem aguente!

Samuel Alabastro disse...

E uma bomba de fabrico artesanal? Achas que resolve?

Rafeiro Perfumado disse...

Ter trabalho entre mãos roça o erotismo, pá...

PKB disse...

Voluptia,
Isso era o suficiente para mim, para começar uma guerra nuclear! :/
Beijocas!

Samuel Alabastro,
Acho que é uma ideia a considerar... =))
Beijinhos!

Rafeiro Perfumado,
Só tu! É outra expressão a analisar num post lá teu estaminé, não achas?
Beijinhos!

Rafeiro Perfumado disse...

Felizmente a língua portuguesa, vivesse eu até aos 183 anos, nunca deixaria de me facultar inspiração para "brincar" com ela. ;) Beijoca!